chá de boldo pra perdoar deus

depois de uma semana boa demais pra ser verdade pra minha cabeça e pras minhas dores e pras coisas que eu sei que vivem em mim, gastrite. fazia tempo. que as coisas não ficavam bem. que a gastrite não me abraçava tão forte. tomei chá de boldo. foi quase como o conto. perdoar deus. parar de inventá-lo. deixá-lo existir. perdoar a vida. parar de inventá-la, jamais. deixá-la existir, sempre. não por vontade. por necessidade. preciso dela pra novas invenções. pra mais chá de boldo. ele sempre volta. nunca inventei.

Autor: giovanna marques

percebo as coisas com atraso e escrevo tudo pontualmente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s